Semana Santa em Popayán

A cidade de Popayán, capital do estado de Cauca, está localizada no sudoeste da Colômbia a 1.760 metros acima do nível do mar. Além de ser considerada uma das mais belas cidades a ser visitadas na Colômbia e uma das mais conservadas da Colômbia e da América Latina, Popayán também conta com uma grande riqueza histórica e cultural, herança imediata do papel fundamental que desempenhou durante o Vice-Reinado da Nova Granada.

Esta elegante cidade de ruas brancas é considerada a Jerusalém da América Latina, um atraente destino para visitar na Colômbia visto que nela é realizado o mais importante evento do cristianismo católico, amplamente divulgado: a Semana Santa.

As procissões da Semana Santa de Popayán são uma das mais antigas tradições de toda a Colômbia, havendo obtido o reconhecimento de Obra-Prima do Patrimônio Oral e Imaterial da Humanidade da UNESCO no ano de 2009.

A história das celebrações remonta ao ano de 1566, apenas 30 anos após a fundação da cidade. Dado que a tradição católica foi trazida pelos conquistadores espanhóis, desde então os habitantes da cidade têm professado uma fé católica muito forte, sendo esta a religião com mais devotos na cidade. Por essa razão, ao longo dos anos os artistas têm dedicado sua inspiração para representar as diversas passagens da paixão e morte de Cristo.

A tradição religiosa destas celebrações é tão forte, que inclusive durante as guerras civis no país foram pactuados armistícios nos dias santos para que este costume sagrado não fosse afetado pelos conflitos de ordem pública. Dessa maneira, as festividades religiosas de Popayán puderam ser mantidas através dos anos e das diversas transformações políticas e sociais vivenciadas no país.

Durante a Semana Maior são realizadas 6 procissões, sendo as mais importantes a inaugural da Semana Santa, com o Domingo de Ramos, e a de Terça-feira e Sexta-feira Santas. Em cada procissão os paroquianos marcham em silêncio sacro, interrompido apenas pela entonação coral de plegárias e antífonas. É uma atividade adequada para quem deseja fazer turismo religioso na Colômbia.

A Junta Permanente Pró Semana Santa (comunidade de voluntários encarregados de organizar este magno evento) leva um ano para preparar as festividades religiosas. As procissões de Popayán são regidas por uma estrita e venerada organização, daí o tempo demandado para sua preparação e o fervor com o qual estas se encontram arraigadas no sentimento coletivo.

A manutenção, arranjo e cuidado das estações por onde são realizadas as procissões foram delegadas pelos padres párocos aos laicos através de um decreto municipal datado de 29 de março de 1675. Da mesma forma, a honra de carregar os passos (plataformas onde são levadas as figuras de arte sacra) é herdada de pai para filho. Tais passos podem chegar a pesar até 600 quilos e são levados por oito carregadores que invictos percorrem as ruas ornamentadas da cidade, realizando apenas pequenas paradas nos mais de dois quilômetros de procissão.

Participar da Semana Santa em Popayán vai além dos atos religiosos. É presenciar mais de 500 anos de tradição e história plasmados em um ritual único na América Latina, caracterizado por sua parafernália artística, pela atmosfera sonora de seus cantos e rezas e pelo ambiente olfativo que acompanha cada procissão, tornando-o um evento relevante em viagens à Colômbia. Adicionalmente, desde o ano de 1964, durante a Semana Maior é realizado o Festival de Música Religiosa de Popayán, declarado Patrimônio Cultural Nacional no ano de 2004. Atualmente, o festival é um dos mais antigos do gênero no mundo graças à sua extensa e histórica trajetória.

A preparação da maior festa religiosa da igreja católica gerou uma linguagem e sentimento coletivo entre seus habitantes, de tal forma que os turistas não só presenciarão um espetáculo estético único, como também uma coesão social e demonstração do sentido coletivo de identidade da população local, fator-chave para que o turista vivencie a Colômbia.

©Imagens tiradas de www.semanasantapopayan.com
2019-12-19T01:12:03+00:00

Deixe seus comentários